Do tudo ao nada!

Quando conhecemos novos ganhadores das loterias, que se tornam milionários, sabemos apenas quantos milhões eles receberam, de onde vieram, qual cidade estão, e em alguns países descobrimos seus nomes… O que nunca ficamos sabendo é o que realmente acontece na vida dessas pessoas depois que elas recebem esse prêmio!

É fato que todas essas pessoas mudam de vida, porém algumas mudam pra melhor, e outras acabam pior! Hoje você vai conhecer a história de alguns sortudos que foram do TUDO ao NADA em pouco tempo e acabaram com todos seus milhões…

 

O luxo que levou tudo

Callie Rogers, uma inglesa de 22 anos, teve sua vida completamente transformada quando faturou $ 2 milhões de libras quando tinha apenas 16 anos! Porém a pouca idade e falta de maturidade fez com que todo esse dinheiro se acabasse em 7 anos! Callie fez alguns investimentos como comprar casas para a sua família, mas acabou exagerando em outros itens, como compras de luxo, roupas de grife, cirurgias plásticas, grandiosas festas, além de se afundar em drogas! Callie acabou sem dinheiro, sem a guarda do dois filhos, e entregue a depressão… Mas hoje a jovem se diz determinada a recuperar sua vida e seus filhos.

 

Prêmio positivo, resultado negativo

Um dos maiores prêmios já entregues na história das loterias americanas foi o de Jack Whittaker, em 2002, que ganhou a bolada de $ 315 milhões de dólares! Mesmo o homem já tendo uma boa condição financeira e uma carreira promissora, a premiação fez com que ele perdesse a cabeça e se afundasse em gastos! Além de ter sido preso algumas vezes por embriagues e ameaças, ele começou a literalmente perder dinheiro, sofrer roubos gigantescos, acumular dívidas em jogos e recebeu vários processos! O homem acabou sem sua esposa, sem seus filhos, sem dinheiro, mas ainda se orgulha por ter doado alguns milhões de dólares a igreja cristã e sua ONG que ajuda necessitados de West Virginia.

 

Doar faz bem, mas nem tanto

Janite Lee, moradora de Missouri nos Estados Unidos, foi uma dar sortudas que ficaram milionárias com as loterias pois em 1993 ela ganhou $ 18 milhões de dólares! Ela aproveitou bem seu dinheiro, comprando carros e casas para si mesma, além de se divertir muitos em jogos… Pensando em sempre fazer o bem ao próximo e ajudar as entidades em que acreditava ela fez diversas doações, entre elas: US$ 1 milhão para a Universidade de Washington, US$ 277 mil para políticos do Partido Democrata, US$ 30 mil para a família de um pastor e também uma grande quantia para igrejas e instituições de caridade. O que ela não imaginava é que essa sequencia de gastou a levaria a falência em 2001!

 

O investimento errado

Com apenas $ 5 dólares, um americano comprou um bilhete de loteria no Arizona em 1988 e sua vida teve uma reviravolta! Shefik Tallmadge ganhou $ 6,7 milhões de dólares e conseguiu mudar drasticamente de vida… Ele trocou de emprego, se formou, conquistou seu diploma de cientista político, conheceu sua esposa e se casou, além de se mudar para a Califórnia! Ele viajou pelo, mundo, comprou carros, imóveis, e decidiu investir no ramo de combustíveis chegando a ser dono e 4 postos de gasolina! Mas infelizmente de tempo em tempo seu negócio não deu certo, e quando viu ele já estava na falência…

 

Dívidas inacabáveis

Quando você é premiado no Estados Unidos tem duas opções: receber seu prêmio total em parcelas anuais, ou receber ele em apenas uma parcela mas com descontos. Diferente da maioria das pessoas a americana Suzanne Mullins optou por receber seu prêmio de $ 4,2 milhões de dólares em 20 vezes, em parcelas. Essa foi uma sábia decisão, mas parece que a mulher não calculou muito bem quanto teria disponível por ano e acabou cometendo alguns exageros gerando inúmeras dívidas no banco!

 

 

Bem que dizem que a parte mais difícil não é exatamente ganhar nas loterias, e sim administrar a bolada! Mas fique sempre junto ao SorteSim, porque aqui no Blog tem várias dicas e sugestões para os novos milionários do pedaço… Vem apostar online com a gente e se torne um deles!

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *